O Que Considerar ao Comprar um Sistema de Licitação e Gestão em Compras?

O Que Considerar ao Comprar um Sistema de Licitação e Gestão em Compras?

Hoje em dia, as empresas percebem a necessidade de obter uma boa experiência em compras, e vem utilizando as tecnologias a seu favor. Em tempos em que a economia do país não anda bem, poupar gastos e reduzir custos operacionais são sempre os melhores caminhos.

Sistemas de Licitação e Gestão em Compras são grandes exemplos e pontos de partida para iniciar esta redução de custos. Enquanto há alguns anos nem se pensava sobre isto, hoje é possível encontrar diversos sistemas no mercado.

Mas afinal, o que considerar em um sistema de licitação e gestão em compras? Nós da Ternet, como líder em desenvolvimento nesta solução, listamos as principais considerações percebidas por nossos clientes, são elas:

1. Garantia na Redução de Custos Operacionais

Se o objetivo do sistema é reduzir custos e o sistema comprovadamente funciona, então nada mais justo que garantir um percentual mínimo de redução.

Aqui na TerNet temos total confiança sobre os resultados de nossa ferramenta e, por isso, lançamos um desafio: Se não gerarmos o percentual de economia mínima, devolvemos integralmente o seu dinheiro!

2. Contato com Novos Fornecedores

Este é um recurso que diferencia um sistema de licitação e gestão em compras de um simples software que apenas registra fornecedores.

Manter um banco de dados de fornecedores atualizado não é uma tarefa fácil, e um de nossos diferenciais é fazer tudo isto por você!

Cadastramos produtos e fornecedores enquanto você se concentra no que é mais importante no sistema, ou seja, fazer compras inteligentes. Além disto, você também pode solicitar cadastro de novos fornecedores ou solicitar novos produtos.

3. Livre Concorrência de Fornecedores

Mais um recurso oferecido por um sistema de licitação e gestão em compras, que trabalha melhor que um software simples de registro de fornecedores.

Um dos principais destaques é a livre concorrência, que deve ocorrer de forma transparente e, assim, os fornecedores são estimulados a lançar suas melhores ofertas.

4. Organização de Listas de Compras

Um bom sistema deve priorizar a organização após cada procedimento. As listas de compras devem estar organizadas de forma a facilitar a comparação entre as ofertas dos fornecedores a cada novo pedido de compra. Também é importante apresentar de forma simples, os preços de cotações antigas, o que auxiliar e muito o controle de aumento dos produtos e por consequência, a troca de um fornecedor que não mais é interessante.

5. Registro e Segurança

“O que não pode ser medido não pode ser controlado.” – William Edwards Deming

Controle e segurança é primordial. Todas as atividades em um sistema deve ser registradas e disponibilizadas para consulta, a qualquer momento, de qualquer computador, com acesso seguro por login e senha. Além de importante para tomada de decisões do empresário, é uma grande facilidade para o usuário (comprador) que ganha agilidade e eficiência ao ter informações bem organizadas.

Não gaste tempo com atividades que não agregam valor.

Conheça o sistema da Ternet

Economia Média de 48% e potencial de economia de até 78%


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *